Prótese Navegada x Convencional do joelho

A artroplastia total é utilizada nos casos de osteoartrose avançada de joelho, objetivando eliminar os sintomas de dor, corrigindo deformidades e estabilizando a articulação.

Alguns fatores são importantes para o sucesso da cirurgia como:

– Seleção dos pacientes;

– Desenho da prótese;

– Equilíbrio ligamentar;

– Restauração da linha articular do joelho;

– Alinhamento do membro inferior.

Um dos principais fatores a longo prazo é a restauração do alinhamento do membro, tanto clinicamente como funcionalmente.

O sistema de cirurgia assistida pelo computador (navegada) contribui com a precisão cirúrgica, principalmente a precisão com a implantação das próteses e do alinhamento do eixo mecânico do membro operado, sendo também um procedimento pouco mais invasivo, diminuindo ou até eliminando a exposição á radiação, outra característica positiva é que o instrumental é o mesmo do procedimento mecânico, permitindo troca de técnica sem comprometimento do procedimento.

A comparação entre a cirurgia navegada e a mecânica demonstra que a cirurgia assistida por computador oferece melhor alinhamento no plano coronal e sagital, pois ajuda o cirurgião a determinar esse alinhamento durante o procedimento. Pesando contra a técnica navegada está o aumento do tempo cirúrgico e de morbidades associadas.

Na cirurgia navegada o computador usa como base as marcações anatômicas individuais feitas no início da cirurgia. Essa é uma das vantagens da técnica navegada em relação a técnica convencional (mecânica). Outras vantagens da cirurgia navegada está na precisão deste procedimento no que se refere ao realinhamento do membro em relação a convencional, proporcionando o posicionamento individualizado dos componentes protéticos, não causa morbidade em comparação com a cirurgia convencional reafirmando os benefícios da cirurgia navegada, mas não melhora a reabilitação funcional no pós-operatório em relação à técnica convencional.

 

Prótese de joelho navegada
Prótese de joelho navegada
Prótese convencional
Prótese convencional

 

admin