Avaliação clínica

O questionário a seguir tem o objetivo de avaliar as condições clínicas e as limitações do paciente. É importante que o paciente preencha, imprima e traga esse questionário ao consultório no dia da consulta, para avaliarmos a resposta ao tratamento realizado. Ele deve ser preenchido com o máximo rigor e cuidado, responda com base nos sintomas e experiência sensitiva da última semana, procurando abstrair-se de queixas antigas ou experiências passadas.
Se necessário, solicite ajuda.

admin

Dia da avaliação: 20/11/2019

Nome completo (ou registro) Diagnóstico
Data de Nascimento
Cirurgia: Data da cirurgia


1. Claudicação (mancar)   2. Apoio (auxílio para andar)
Nunca   Nenhum
Leve ou periodicamente   Bengala ou muleta
Intenso e constantemente   Apoio impossível
 
3. Dor (intensidade)   4. Instabilidade
Nenhuma   Nunca falseia
Inconstante e leve durante exercícios pesados   Raramente, durante atividades atléticas ou outros exercícios pesados
Marcada durante exercicios severos  

Frequentemente durante atividades atléticas ou outros exercícios pesados (ou incapaz de participação)

Marcada durante ou após caminhar mais de 2km   Ocasionalmente em atividades diárias
Marcada durante ou apos caminhar menos de 2km   Sempre em atividades diárias
Constante   Em cada passo
 
5. Travamento   6. Inchaço
Nenhum travamento ou sensação de travamento   Nenhum
Tem sensação, mas sem travamento real   Em exercícios pesados
Travamento ocasional   Com exercícios comuns
Frequentemente   Constante
Articulação bloqueada ao exame      
 
7. Subir escadas   8. Agachamento
Nenhum problema   Nenhum problema
Levemente prejudicado   Levemente prejudicado
Um passo por vez   Não acima de 90 graus
Impossível   Impossível
 
A sua pontuação é
Classificação
<65 
Ruim
65-83 
Razoável
84-90 
Bom
>90 
Excelente

Referências para a pontuação:

Tegner Y, Lysholm J. Rating systems in the evaluation of knee ligament injuries. Clin Orthop Relat Res. 1985 Sep;(198):43-9.

Mitsou A, Vallianatos P, Piskopakis N, Maheras S. Anterior cruciate ligament reconstruction by over-the-top repair combined with popliteus tendon plasty. J Bone Joint Surg Br. 1990 May;72(3):398-404. link