Meniscectomia

É a retirada de parte lesada do menisco. Essa técnica permite uma recuperação mais rápida, pois o paciente pode sair andando do hospital. Com essa técnica temos que ter sempre a ideia de preservar a maior parte do menisco.

As meniscectomias são cirurgias simples, via artroscopia, onde é inserindo o artroscópio e um ou dois instrumentos na articulação do joelho através de pequenas incisões. Um fluído será injetado dentro do joelho para expandir a articulação, com o intuito de aumentar a visibilidade das estruturas.

A meniscectomia é indicada em casos onde não há possibilidade de se salvar o menisco como um todo, neste caso o cirurgião retira o pedaço lesionado e mantém a parte integra, preservando assim, grande parte da função meniscal. A cirurgia é de pouca duração e o paciente tem alta hospitalar andando e retorna ao esporte por volta de 01 a 2 meses após o procedimento cirúrgico, dependendo do tipo de lesão.

Após a artroscopia o paciente deve usar muletas por um ou dois dias ou até que o médico autorize andar sem elas, manter a perna elevada, com o pé mais alto que o joelho e o joelho mais alto que o quadril, usar compressas de gelo, dobrar o joelho assim que os sintomas diminuírem, trocar as ataduras após 4 dias e cobrir com gaze e band-aid e usar a tala, se o médico recomendar.

Meniscectomia Tipos de lesões Meniscectomia parcial Meniscectomia

admin